Ricardo vs Santana – And the winner is…

E que sinais evidentes apresenta o país de padecer de loucura?

Para além das ovelhinhas terem línguas azuis?

O verdadeiro motivo é:

– Entrevistas serem interrompidas com directos da chegada de um treinador de…. Futebol

– Presença em entrevistas sobre motivos partidários importantes serem adiadas por causa de… Futebol

The Police, Lisboa 25 De Setembro!

The Police Watched The Police

A respeito do concerto vocês podem ler aqui.

A respeito do concerto que eu vi, aqui ficam os seguintes apontamentos:

– O Popsi é um chato do caralho quando tá com fome.

– O Gonçalo fica muito rezingão quando está com fome.

– Alguns solos do Stewart Copeland podiam sentir-se através da audição e do tacto. Do tacto porque a cada break da bateria os meus testículos também o sentiam, privilégio do querido Popsi.

– Só se pode apalpar o Gonçalo até à primeira música, a partir daí ele fica muito mais sensível.

– A gaja do BMW queria-nos comer.

Myanmar, Os Monges e o seu protesto!

Monges Budistas

A Junta militar que está no poder na Birmânia ameaçou hoje “tomar medidas” contra os monges budistas que se manifestaram em Rangum, aos quais se juntaram hoje mais de cem mil pessoas.

“Se os monges forem contra as regras e regulamentos de obediência aos ensinamentos budistas, tomaremos medidas conformes à lei actual”, declarou o ministro, citado pela televisão do Estado.

Fonte: Público

“…medidas conformes à lei actual…” Lei actual essa que, segundo me informei, estipula que o manifestante seja condenado à pena de morte.

Kung Fu Monge

O protesto silencioso apesar de mudo ecoa já pelo mundo fora. É honrado e pacífico mas por uma vez, uma vez que seja gostava que eles se enervassem. Mandassem o incenso e aquela atitude pacifista e honrada e usassem aquelas técnicas Shaolin que eu me lembro de ver em filmes de karate.

Não queria uma cena épica, de peitos depilados à 300, apenas um arraial de porrada nesses déspotas tiranos.
Algumas daquelas lutas de infância e daqueles documentários do Discovery têm que fazer sentido. Mergulham as mãos em brasas como eu lavo as mãos, dobram espadas como eu faço origami e não lhes custava nada distribuir, de vez em quando, assim uns socos e pontapés bem enfiados.

Podem argumentar que Gandhi, graças a uma forma pacífica de manifestação conseguiu obter sozinho a independência indiana. Mas a história não reza assim, Mahatma Gandhi usou e abusou da força, eu lembro-me perfeitamente que as chamuças da morte faziam parte do seu arsenal.
Isto de fazer protestos de forma pacífica só resulta até certo ponto, como prova o seguinte exemplo: